A vida privada de um gato

A vida privada de um gato

A vida privada de um gato (1944): Este curta metragem é o estudo pioneiro de Alexander Hammid, de sua gata e do nascimento e amadurecimento de seus cinco gatinhos. 

O filme é totalmente mudo e filmado pelo ponto da vista (POV) do olho do gato. Confira!

A vida privada de um gato
(The Private Life of a Cat)

A vida privada de um gato

A vida privada de um gato. “The Private Life Of A Cat” (1944)

Hammid fez este 22 minutos de curta-metragem, enquanto casado com Maya Deren, e filmou inteiramente em seu apartamento ma Morton Street, em Manhattan.

O filme começa com dois gatos, um macho e uma fêmea. A fêmea é fecundada pelo gato macho, e começa a procurar abrigo para dar à luz a seus filhotes.

“Ele”, um gato todo branco de pelo curto do sexo masculino, “Ela”, uma fêmea de pelos mais macios.

• Cuidado redobrado com gatos idosos

Depois de dois meses o casal encontra um local “para a família”, e logo depois a mãe entra em trabalho de parto. O filme mostra graficamente os gatinhos nascendo sem a ajuda de mãos humanas, e em seguida se nutrindo e sendo lavados pelos pais.

Os gatinhos crescem, e vagam livremente em torno do apartamento de seu proprietário (Hammid e Deren). Os gatinhos aprendem a andar e começam a ficar mais ativos, brincando uns com os outros e arranhando móveis diversos. 

 Interações dos gatos com humanos

É gostoso de ver a simplicidade da filmagem caseira feita em 1944 e o crescimento dos lindos filhotes. 

O filme foi também muito bem classificado pelo público e avaliado como “muito comovente”.  Não é por menos – os gatos são fonte de inspiração garantida!

Veja também os seguintes documentários:

Documentário O Gato e seus Mistérios

Documentários com gatos 

Documentário sobre gatos

Documentário O gato como ele é

Documentário Gatos de Ponta a Ponta

Comentários do Facebook

About pozzana